Páginas

sábado, 14 de maio de 2011

Perde o gato


"Um gato vive um pouco nas poltronas, no cimento ao sol, no telhado sob a lua. Vive também sobre a mesa do escritório, e o salto preciso que ele dá para atingi-la é mais do que impulso para a cultura. É o movimento civilizado de um organismo plenamente ajustado às leis físicas, e que não carece de suplemento de informação. Livros e papéis, beneficiam-se com a sua presteza austera. Mais do que a coruja, o gato é símbolo e guardião da vida intelectual."

Carlos Drummond de Andrade
Trecho da crônica "Perde o gato"
In Cadeira de Balanço - 1970


Imagem: Web 

15 comentários:

  1. Também me sinto assim, hoje à tarde depois de uma leitura e de um adiamento para ir à feira do livro aqui em Lx... ;)
    E por falar de coruja...

    http://www.youtube.com/watch?v=Iqmba7npY8g&feature=player_embedded

    só é pena a música nada estar à altura do que o momento exige, mas não se pode ter tudo, não é!?

    ;)

    ResponderExcluir
  2. Miguel, que vídeo insólito. Mas baixei o som pq a música é chatinha. rs
    ;)

    ResponderExcluir
  3. Mais um ponto na escala de gostar desse cantinho. Espero nao falte formas de medir. Adooooro gatos!!!! :-)))

    ResponderExcluir
  4. Nao se preocupe com os sumiços das tuas respostas aos comentários do post anterior, do meu também sumiram vários :-(

    ResponderExcluir
  5. Oiii adorei!
    Olha, o Divã e o blog do Leo, agora são fechados, mas eu gostaria q vc continuasse fazendo parte! Se vc quiser também, mande seu email pra deagalletti@gmail.com pra eu te mandar o convite. Não esqueça de se identificar, ta?
    bjkas
    Déia

    ResponderExcluir
  6. Belo texto sobre gatos e a escrita/leitura! :)

    ResponderExcluir
  7. Anhan.. o Gato é tudo isso!! Conta outra amiga.. hahahaha. Você e sua paixão por gatos. Tenho uma foto de Kika que ela SOMENTE está lendo Direito Penal.. acho que ela é quem é guardiã da vida intelectual.. pelo menos da de Silvinha é..hahahah.
    Cadê o book?
    Bjos
    Ly

    ResponderExcluir
  8. Acho gato bicho solto, que não depende de amor, pode ir embora a qualquer instante...
    É preciso coragem para ama-los!
    Bjs!
    &
    Obrigada por está sempre presente!

    ResponderExcluir
  9. C., eu também sou adoradora. Amo!

    *

    Déia, obrigada pelo convite!
    Um abraço!

    *

    Especialmente Gaspas, procure a crônica completa, é ótima.
    Bjos!

    *

    Lydinha, com todo respeito, mas eu acho que Kika parece um gato gordo, já te falei isso?
    É uma cadelinha muito fofa.

    Xêrus!

    *

    Rapha, acho que isso é um pouco de mito. Meus gatos são ultra dependentes. Agora mesmo um deles está deitado na minha cama e se eu for ali buscar água ela vai atrás de mim. rsrs
    Seja sempre bem-vinda!

    Bjos!

    ResponderExcluir
  10. tenho duas gatinhas, gosto das duas são amigas e solidarias

    ResponderExcluir
  11. Ediney, eu tenho 3 gatos, mas eles vivem disputando a atenção das pessoas daqui de casa. =)

    ResponderExcluir
  12. Eu amo meu gato! Mas ele anda aprontando muitas. Tem demarcado territórios dentro de casa e comido passarinhos todos os dias quase.
    Mas eu abraço ele mesmo assim...não dá pra aguentar.

    ResponderExcluir
  13. Magnólia, genial é a definição mais certa! =)

    *

    La Vanu, Os gatinhos têm seus dias mais difíceis, mas cá entre nós: dá pra viver sem eles?! rs

    *

    Tarsila, é perfeito o texto e perfeitos todos os gatos, não é?

    =)

    ResponderExcluir