Páginas

domingo, 24 de julho de 2011

Qualquer Amor


Só se pode viver perto de outro, e conhecer outra pessoa, sem perigo de ódio, se a gente tem amor. Qualquer amor já é um pouquinho de saúde, um descanso na loucura.

João Guimarães Rosa
In: Grande Sertão: veredas

Imagem: Web

6 comentários:

  1. Só se pode viver com amor se conhecermos o outro vivido, sem o ódio do perigo, e assim o amor tem a gente por perto. Qualquer saúde é já um pouquinho de amor, a loucura no descanso.

    Um Beijo

    ResponderExcluir
  2. Eu queria crer que o amor vem blindado.

    Queria mesmo.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  3. Lindo trecho,Margot! um beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  4. Miguel, você embaralhou a fala do Riobaldo, mas eu lhe perdoo. =p

    Beijo!

    *
    Luna, se fosse blindado nos descuidaríamos, não acha?

    Um beijo, guria!

    *
    Chica, o livro todo é maravilhoso! =)

    Bjos!

    ResponderExcluir
  5. Acho que o amor tudo supera mesmo, desde o maior defeito. Com amor somos pessoas melhores e nao existe nem espaco para ódio!

    ResponderExcluir
  6. Dencanso na loucura? Isso é verdadeiramente muito bom!

    ResponderExcluir