Páginas

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

O Pequeno Nicolau


“É no plano do devaneio, e não no plano dos fatos, que a infância permanece em nós viva e poeticamente útil. Por essa infância permanente preservamos a poesia do passado.”

Gaston Bachelard
In: A Poética do Espaço


Já falei que gosto de leveza? Foi isso que encontrei no divertido (e leeeve) filme "O Pequeno Nicolau" (2010) - de Laurent Tirard - inspirado numa história em quadrinhos, dos anos 1950, de mesmo nome.

Nicolau é filho único, tem uma vida confortável e feliz. Estuda numa escola para meninos e nas horas vagas, junto com a turma, pinta o sete e desenha o oito - apronta de tudo e mais um pouco. Tudo corre bem, até o dia que ele descobre que a mãe está grávida e por informações desencontradas dos amigos que já têm irmãos e detalhes do conto de fadas que ouviu na aula, Nicolau entende que será abandonado na floresta quando o irmão nascer. A partir daí ele e a turma criam um plano para resolver a questão.  E a história se desenvolve num ritmo de diversão e toda sorte de aventura. 
Os personagens são cativantes e as atuações são encantadoras, principalmente quando penso que a maior parte do elenco é de criança e não de atores profissionais. Para alguns pode parecer clichê ou água-com-açúcar, mas talvez esse seja todo o encanto desse filme, que eu achei impecável!


É impossível não identificarmos num dos meninos alguns daqueles colegas de escola que pareciam um personagem de história em quadrinhos. Por isso, hoje vou revê-lo, sabendo que vou rir (chorar de rir) e recordar de coisas que também vivi na minha infância.   




Se é Dia das Crianças então vamos dar uma revirada dentro de nós e buscar qualquer vestígio da criança que fomos um dia. Um pouquinho de pureza e espontaneidade, eu garanto, não faz mal a ninguém. 



5 comentários:

  1. Sem dúvida esse pequeno Nicolau é uma dica maravilhosa!! beijos,tudo de bom,lindo dia!chica

    ResponderExcluir
  2. Cristiane Vieira12/10/2011 10:42

    Ai... fiquei com vontade de assistir!!! Deve ser hilário. Já ri só com o desespero do menino pra ñ ser abandonado na floresta kkkkkk. Boa sugestão, Margô!

    ResponderExcluir
  3. Olá Margot!

    Que seriado legal, nunca tinha ouvido falar...se eu conseguir assistir, acho que vou gostar muito!
    Gosto bastante do Todo Mundo Odeia o Chris, você conhece? é bem divertido.

    Um beijo e Feliz dia das Crianças pra nós!

    ResponderExcluir
  4. Parece ótimo, Margot! Aliás o universo da imaginação infantil sempre nos traz coisas boas, não?

    Um beijo, querida!

    Ótimo fds e obrigada pela dica.

    ;)

    ResponderExcluir
  5. vou baixar de novo. lindo. nada mais a declarar!

    ResponderExcluir