Páginas

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Tecer é viver



Eu nem esperava aprender algo ainda esse ano, até que domingo passado recebi uma visita inesperada de tias e prima... e algo aconteceu. A prima é habilidosa com trabalhos manuais e trouxe consigo uma peça de tricô que ela está fazendo. Senti vontade de saber o que é o tricô e como se faz, então pedi uma aulinha intensiva. Pacientemente, ela me explicou todos os nós e laçadas, depois me entregou as agulhas. Fiquei aflita, deixei as agulhas caírem, mas entre uma laçada e outra fui tomando gosto. No dia seguinte fui numa loja de aviamentos, comprei agulha e lã e vim para casa praticar minha nova invenção.

 Esta é minha primeira peça:


Por enquanto é um monstrinho sem forma, com pretensão de ser um cachecol quentinho. Certo, aqui o sol está rachando, mas tenho meus motivos.  =D

Não sou novata em trabalhos manuais, faço um bordado chamado vagonite, mas eu queria mesmo era sentir que estou tecendo uma peça que poderá servir de vestuário e o tricô tem essa função.

Para mim, tecer uma peça me remete a um tempo em que as pessoas faziam suas próprias roupas e sabiam a procedência do que usavam. Comprar tudo pronto anula a criatividade e sem esperar nos vemos adornados com roupas, e falas, e pensamentos formatados, como se fôssemos robôs.

Tecer é entregar um pouquinho de si a cada laçada. Tecer é viver!


6 comentários:

  1. Quando eu tinha 12 anos, meu irmão pediu a uma senhorinha que fazia tricô numa rua bonita de São Luiz para me ensinar a tricotar. Comprou agulha, linha e me deixou uma tarde inteirinha sentada na calçada com a senhorina de olhos puxados. Aprendi um ponto básico mas esqueci quando as férias acabaram.

    Minha vó é artesã e faz coisas lindas de crochê. Me ensinou o ponto básico mas eu também não saí daquela trancinha.

    Ainda tenho as agulhas verdes de tricô na casa da minha mãe e morro de vontade de aprender de verdade. Acho lindo!!!

    Um beijo!
    :)

    ResponderExcluir
  2. Todos os motivos são bons para fazer o cachecol. Mesmo quando o verão é inverno e o inverno é verão!!

    ;)

    ResponderExcluir
  3. Cristiane Vieira16/11/2011 18:03

    Que bom que você está empolgada com o tricô, Margô! Eu tbém acho lindo, mas ñ sei fazer. Minha mãe é quem sabe! Quero acompanhar de perto essa sua aprendizagem, viu!
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. É como parir.

    =)

    Um gesto doador, porque a lã passa pelos dedos e leva partículas nossas pra fazer parte da peça tecida.

    Eu acho lindo isso e tricô é o único trabalho manual em que me saio bem...rs

    Beijos, feliz cachecol novo (seja pra quem for)!

    ResponderExcluir
  5. Oi Margot!

    Que lindo seu "monstrinho" rs rs rs.
    É lindo coisas feito à mão, uma coisa que não existe e que vai tomando forma...a forma que você dá...é lindo!
    Confesso que não sei fazer nada....ainda. Vai chegar a fase em que poderei me lançar em algum trabalho assim...e tenho certeza que vou gostar muito.
    Um beijo, bom fim de semana!!!!

    ResponderExcluir
  6. Retrato em branco e preto, que bonitinha a tua história. Então, acho que você deveria tentar. É muito bom!

    Bjos!

    *
    Miguel, com ou sem motivos, em todas as estações!
    ;)

    *
    Cristiane, depois te mostro minha evolução. Tô ficando craque.
    :D

    *
    Luna, você é uma moça prendada... estou sabendo. =)
    Bjos!

    *
    Patrícia, se lance mesmo que é uma terapia... garanto!
    Bjos!

    ResponderExcluir