Páginas

sábado, 3 de março de 2012

Sovente il Sole - Andromeda Liberata


 Muitas vezes o sol
resplandece no céu
mais belo e gracioso
quando uma obscura nuvem
já o escondeu.

E o mar tranquilo
quase sem onda
somente se percebe
quando uma tempestade
forte o turvou.


Aria composta por Antonio Lucio Vivaldi
in Andromeda Liberata
Do mito Andrômeda e Perseu







Há mitos e músicas para todas as ocasiões!

Pintura: Paul Gustave Doré (1832-1883)

3 comentários:

  1. O sol precisa de nuvens para nos mostrar toda a sua beleza.
    Tal como o nu subtil é muito mais erótico que aquele que é integral.

    ResponderExcluir
  2. Olá, Margot!! A imagem é paradoxal!! O sofrimento e a beleza!!Sim, a imagem é deslumbrante!!Bjs.

    P.S. Comentei a sua postagem sobre o Oscar, ok?

    ResponderExcluir