Páginas

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

The Beatles... simples assim!


Escutar The Beatles sempre terá essa força que revigora. É reaver o entusiasmo juvenil que, por vezes, na fase adulta parece que pretende fugir. É delicioso revirar discos antigos e recordar que certas canções, um dia, fizeram todo sentido e outras ganharam novas cores.

The Beatles são eternos, sim. Não conheço ninguém que tenha deixado de gostar do som dos 4 meninos. A paixão se renova e passa de pai para filho e , às vezes, de filho para pai. A magia é esta!


Ouço MPB, samba, forró, blues, jazz, música barroca, fado... mas sempre regresso aos garotos de Liverpool. Dito assim até parece que The Beatles é um gênero musical... mas é, simples assim!




"Love is old, Love is new
Love is all, Love is you..."

domingo, 4 de novembro de 2012

Facilidade Repentina

"(...) Fui ver um filme, não entendi nada, mas senti tudo. Vou vê-lo de novo? Não sei, posso desta vez não estar em bem-estar, não quero arriscar, posso de repente entender e não sentir."

Clarice Lispector
in, Aprendendo a Viver